Casal negocia débito da Prefeitura de Palmeira dos Índios

Com a negociação, município passa a ter sua situação regularizada junto à Companhia

Presidente Clécio Falcão recebe o prefeito Júlio Cezar (E), com quem discute débito da prefeitura de Palmeira

Presidente Clécio Falcão recebe o prefeito Júlio Cezar (E), com quem discute débito da prefeitura de Palmeira

O presidente da Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal), Clécio Falcão, recebeu nesta segunda-feira (15) o prefeito de Palmeira dos Índios, Júlio Cézar, com quem negociou o débito de contas de água dos órgãos do município com a empresa. O encontro entre os dois gestores definiu as condições de pagamento da dívida, fator essencial para a regularização da situação da prefeitura junto à companhia.

“Os débitos, não apenas de Palmeira dos Índios mas de muitas outras prefeituras, têm causado problemas à Casal e também aos municípios, uma vez que, sem receber as contas de água, a Companhia fica com dificuldade para investir na melhoria dos serviços, e todos saem perdendo”, afirmou Clécio Falcão. Ele disse que a empresa está convidando os prefeitos para discutir e negociar os débitos e que esse convite está tendo boa receptividade. Palmeira dos Índios é o segundo município a regularizar suas contas com a Casal; o primeiro foi Colônia Leopoldina.

As condições oferecidas pela Casal às prefeituras leva em conta as dificuldades enfrentadas pelos municípios e a sua capacidade para quitar as dívidas. Dessa forma, a empresa concede anistia dos débitos de dez a cinco anos e negocia os de cinco a zero ano, desde que o município passe a pagar em dia suas contas, juntamente com a parcela da dívida atrasada.

No caso de Palmeira dos Índios, o débito consolidado foi dividido em 44 parcelas mensais que se juntam ao valor atual da conta de água. Para gozar dos benefícios da proposta oferecida pela Casal, explica Clécio Falcão, o município deve pagar suas contas em dia. Por sugestão do prefeito Júlio Cézar, todas contas dos órgãos municipais serão entregues em um único endereço e órgão pagador: a prefeitura. Esta sugestão foi bem aceita pela Casal, de tal forma que, a partir de agora, ela fará parte da proposta de negociação de débitos com outras prefeituras.

Na visita feita à Casal, o prefeito de Palmeira dos Índios esteve acompanhado do seu secretário de Planejamento e Gestão, Adalberon Júnior. Pela companhia, além de Clécio Falcão, participou do encontro a assessora especial da presidência, Enga Ângela Omena.